Na manhã do dia 26 houve a segunda rodada de debates do 7º Encontro Regional Sul de História da Mídia, no salão Imembuí na Reitoria da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Pesquisar sobre a história presente é um imperativo no contexto político atual, assegurou Norma Alvares, professora de história da Universidad de Misiones, na Argentina.  A pesquisadora da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Cárlida Emerim, ao falar da relação entre a televisão e o AI5 no Brasil, lembrou uma frase do jornalista Alberto Dines: “os anos de chumbo têm sido insuficientemente estudados na academia”.  Emocionada, a pesquisadora ressaltou a importância de se contribuir para uma sociedade democrática de direito e prestou  homenagem à professora da Unipampa, Mara Regina Rodrigues Ribeiro, que faleceu no último dia 14. “Mara Regina vive, Mariele vive, Vladmir Herzog vive!”.

Após os debates, a professora Ada Cristina Machado da Silveira (UFSM) preparou uma homenagem em memória a professora Mara Regina, com a presença do Pró-Reitor de Extensão da UFSM, Flavi Lisboa, dos palestrantes, do orientador de doutorado de Mara, professor Marcelo Rocha (UNIPAMPA), amigos e familiares.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s